Programa fortalece autoestima de crianças e adolescentes ribeirinhos de Presidente Figueiredo

Dicara é desenvolvido por meio da cooperação técnica entre a Fundação Amazonas Sustentável (FAS) e a Prefeitura de Presidente Figueiredo, com patrocínio da Unilever

Mais de 700 crianças e adolescentes de 30 comunidades ribeirinhas de Presidente Figueiredo (107 km de Manaus) serão beneficiadas pelo Programa de Desenvolvimento Integral de Crianças e Adolescentes Ribeirinhas da Amazônia (Dicara), desenvolvido por meio de cooperação técnica entre a Fundação Amazonas Sustentável (FAS) e a prefeitura do município, com patrocínio da Unilever.

Esta semana, aconteceu o seminário de abertura do programa, inaugurando uma série de atividades voltadas para crianças e adolescentes do município, com cursos de informática, de música e de artesanato regional, além de capacitações do Programa Primeira Infância Ribeirinha (PIR), que acompanhará o desenvolvimento de crianças de 0 a 6 anos na região.

Na terça-feira (24/05), foi realizado seminário de abertura foi realizado na Igreja Católica São Francisco de Assis, na Comunidade Rumo Certo, no quilômetro 165 da rodovia federal BR-174, zona rural de Presidente Figueiredo. Representantes de 30 comunidades participaram do evento.

Na quarta-feira (25/05), crianças e adolescentes da Comunidade Marcos Freire no quilômetro 13 da rodovia estadual AM 240 (estrada de Balbina), participaram de uma oficina com os educadores sociais da FAZ. Durante a “oficina de sonhos” além de palestras, eles participaram de um momento simbólico com a plantio de uma muda de Coccoloba, árvore amazônica que detém o título da maior folha do planeta e figura no Guiness Book desde 1997.

A prefeita Patrícia Lopes destaca que, o objetivo do programa é fortalecer a autonomia e a autoestima da população de 0 a 17 anos de idade, por meio de ações e atividades nas áreas da educação, saúde e cidadania. “São ações que tem por objetivo, direcionar a população infanto-juvenil para o enfrentamento de desafios vivenciados nas comunidades rurais como êxodo rural, evasão escolar, falta de oportunidades, exclusão digital, violência doméstica, exploração sexual e drogas”, explica.

Prefeita Patrícia Lopes e superintendente geral da FAS, Virgílio Viana, durante a assinatura do termo de cooperação para implantação do programa Dicara

Patrícia Lopes ressalta que programa foi elaborado com base nas disposições do Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), inscrito e aprovado em um edital público do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente de Presidente Figueiredo, como forma de apoiar a garantia dos direitos da infância e da juventude no município.

O superintendente geral da FAS, Virgílio Viana, destaca que o Dicara está ligado a preservação da Amazônia, uma vez que para cuidar da região é cuidar dos povos amazônicos.

“É isso que o Dicara se propõe. Cuidar das crianças e adolescentes da Amazônia. Que todos aqui presentes possam aproveitar essa oportunidade. Além da questão da proteção dos direitos, a questão mais importante do Dicara é a oficina de sonhos. Que todos possam ser estimulados a acreditar em seus sonhos e trabalhar para realizar. É isso que o Dicara pretende fazer”, afirmou o superintendente geral da FAS, Virgílio Viana, durante o encerramento do seminário, nesta quarta-feira.

Sobre o programa

O Dicara teve início em março de 2022 e vai até novembro de 2023, as ações devem beneficiar cerca de 400 famílias e levar capacitação para 50 agentes comunitários de saúde que atuaram no Programa Primeira Infância Ribeirinha (PIR), acompanhando o desenvolvimento de crianças de 0 a 6 anos na região Amazônica.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.