Governo estadual envia balsa hospital para apoiar ações de saúde no município de  Anamã

Embarcação chegou ao município para substituir estrutura do hospital durante período de enchente

A Secretaria de Estado de Saúde (SES-AM), enviou uma balsa hospital para o município de Anamã (a 165 quilômetros de Manaus), na região do Baixo Solimões, que enfrenta as consequências do período de cheia e está em situação de alerta. A medida faz parte da Operação Enchente 2022, lançada pelo governador Wilson Lima para prestar apoio aos municípios afetados com a subida dos rios.

A embarcação saiu de Manaus na terça-feira (10/05) e chegou ao município na quarta (11/05). A subida do rio Solimões causa a inundação do Hospital Francisco Salles de Moura, e a balsa irá comportar temporariamente os 57 trabalhadores da unidade, entre médicos, enfermeiros, técnicos e demais servidores.

“A locação da balsa é uma estratégia do governador Wilson Lima para garantir a assistência a Anamã, que geralmente sofre com a cheia. Quase todo o município já está debaixo d’água e precisa da embarcação para dar continuidade ao atendimento à população, na impossibilidade de acessar o hospital”, afirma Anoar Samad, secretário de Estado de Saúde.

A balsa, alugada pela SES-AM, deve realizar atendimentos de urgência e emergência, dispondo de sala de parto, laboratório, recepção, consultórios, alojamento para as enfermarias, refeitório e cozinha. A embarcação possui 44 leitos, sendo 16 macas hospitalares na parte inferior e 28 no piso superior.    

A previsão é que a embarcação permaneça por 90 dias em Anamã ou até que haja condições para utilização da unidade hospitalar novamente, com a descida do Solimões.   

Cheia 2022

Além da balsa, o Governo do Amazonas está providenciando mais insumos e medicamentos para o enfrentamento à cheia deste ano. A Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas – Drª Rosemary Costa Pinto (FVS-RCP) informa que, de janeiro até abril de 2022, o Departamento de Vigilância Ambiental e Controle de Doenças (DVA), enviou 18 mil frascos com hipoclorito a Anamã.

 Vacinação

Desde terça-feira (10/05) até esta sexta (13/05), estão sendo realizadas ações de suporte para ampliar a cobertura vacinal contra Covid-19 em Anamã, que apresenta baixa cobertura do esquema vacinal primário (1ª e 2ª dose aplicada em pessoas com 5 anos ou mais) contra a infecção. A cobertura atualizada é de 51,3% no município, abaixo da meta do Ministério da Saúde, que é de 90%.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.