Elon Musk quer trazer tecnologia da SpaceX para o país e Amazonas manifesta interesse em receber

No mês passado, o governador Wilson Lima convidou também o megaempresário, Jeff Bezos, da Amazon, a investir na Amazônia

O governo do Amazonas manteve contato com empresa do bilionário Elon Musk, dono da SpaceX, Tesla e Twitter, que manifestou interesse em iniciar operações da Starlink no Estado. A Starlink é empresa do grupo SpaceX, que revolucionou os voos espaciais, com reaproveitamento de foguetes.

O governador Wilson Lima agradeceu o interesse do bilionário de investir na Amazônia e destacou a importância do investimento para sustentabilidade da região.

“Além de não abrir mão dos empregos gerados na ZFM, seguimos trabalhando para atrair novos investimentos. Elon Musk demonstrou interesse em trazer investimentos para cá e vamos trabalhar para consolidar esse negócio. Venham conhecer a Amazônia. A Amazônia está chamando vocês”, afirmou o governador.

No mês passado, o governador convidou também o megaempresário Jeff Bezos, da Amazon, a investir na Amazônia.

Conforme ofício enviado à Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Inovação (Sedecti), a Starlink informou que pretende começar a prover serviços de banda larga a clientes no Brasil.

O secretário da Sedecti, Angelus Figueira, explica que o Estado está trabalhando para atender ao pleito da Starlink. “Na sexta-feira (28/04) mesmo tivemos uma videoconferência com representantes da empresa, em Nova York, e estamos em tratativas”, disse.

Tecnologia

A Starlink usa satélites avançados em órbitas baixas e, segundo explica, possibilita chamadas de vídeo, streaming e outras atividades com velocidades de até 200Mb/s.

Faturamento e impostos

Com escritório em território brasileiro, a Starlink estima um faturamento de US$ 7,5 milhões. No primeiro ano, a expectativa é passar de 60 mil clientes, especialmente de estados do Sul e Sudeste.

Como retorno ao Estado, a arrecadação de Imposto Sobre a Circulação de Mercadorias e Serviços no início da operação pode chegar a R$ 97 milhões.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.